Quando chegamos no limite!

Tantas pessoas choram de raiva quando chegam ao limite!

Muitas vezes, estamos tão irritados com as situações dos dias, que usamos a expressão: “Eu cheguei ao meu limite, já não aguento mais!”. Tantas pessoas choram de raiva quando ficam neste pico de estresse; outras, esbravejam sem pensar em nenhuma palavra, mas depois se arrependem. Enfim, nós temos um limite e é normal chegarmos nele!

Mas como reagir? Chorar ou gritar, será que resolve? Eu digo para vocês algo que funciona comigo: quando eu chego no meu limite, se eu não consigo resolver a situação na hora, eu vou para a capela, esfrio a cabeça, relaxo um pouco e ,depois, busco resolver a situação para não acumular.

Várias situações mal resolvidas geram um estresse muito maior. Nunca resolvo nada de cabeça quente; pelo contrário, busco sempre a melhor forma de solucionar o problema sem magoar as pessoas.

Que o Senhor Deus o ensine a lidar com as dificuldades da vida.

Deus o abençoe.
Seu irmão, Eto

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.