Somos como os leprosos que necessitam de cura

Trazemos tantas feridas que somos como os leprosos que necessitam de cura

facilmente_somos_seduzidos_pelo_mal
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Quem nunca ouviu falar da história contada no Evangelho de São Lucas 17, 11-19? Se você nunca ouviu falar, eu faço um resumo agora: Eram dez leprosos, Jesus passou e eles pediram misericórdia, pois queriam ficar curados. O Mestre os curou e disse que fossem se apresentar ao sacerdote. No decorrer do caminho ficaram curados. Eram dez, mas apenas um voltou para agradecer.

Meus irmãos, essa história diz muito de nós. Quantas vezes, Jesus nos curou, ou curou alguém que amamos, nos libertou, nos deu um emprego, e nós, nem voltamos à Igreja para agradecer. Quantos milagres já vimos Deus fazer, e nós, nem rezamos um Pai-Nosso em louvor a Ele. Essa história é a nossa! Somos leprosos que necessitamos de cura, somos agraciados pela bênção, mas somos distraídos em louvar a Deus pelo favor d’Ele a nosso respeito.

Meus irmãos, devemos olhar para aquele que agradeceu, que reconheceu o senhorio de Jesus, que bendisse, que acreditou, esse sim é fiel. Temos que ter um coração agradecido pelo que Deus faz conosco. Tem uma frase que diz: “Não mereço, mas agradeço”, isso somos nós. Nós não merecíamos o sangue de Jesus e Ele deu até a última gota, o mínimo que temos a fazer é agradecer.

Hoje, faça um exercício, lembre-se das vezes que o Senhor te socorreu e louve a Ele por isso. Não peça, apenas agradeça!

Louve a Deus por tudo que Ele realiza!

Seu irmão,
Wellington Jardim (Eto)
Cofundador da Comunidade Canção Nova e administrador da FJPII

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.