A novidade de cada instante

Precisamos parar, olhar à nossa volta e perceber a novidade de cada instante

Meus amigos,

A Palavra de Deus nos afirma que “Todas as obras do Senhor são boas e ele provê a utilidade de todas na hora certa” (Eclesiástico 39). Já estamos no mês de março e a rotina parece tomar conta da vida da gente. Todos os dias é a mesma coisa, acordamos na mesma hora, saímos apressados para o trabalho, para reuniões e mais reuniões, e a rotina vai tomando conta do nosso dia a dia.

Contudo, coisas novas também acontecem a todo o momento, mas será que percebemos? Estamos nos deixando levar pela rotina e, infelizmente, estamos perdendo algo maravilhoso que temos: a sensibilidade, esse dom que vem de Deus! Não percebemos, por exemplo, aquele telefonema que fez toda a diferença naquela situação, o sorriso de um colega de trabalho desejando ‘‘bom-dia’’ ou até mesmo quando chegamos ao trabalho e encontramos a sala com cheiro de limpeza, sinalizando que alguém já esteve ali preparando o nosso ambiente.

Vivemos na era do imediatismo, na qual tudo é automático e rápido demais. Precisamos parar e olhar à nossa volta. Em cada acontecimento Deus se revela a nós. Nenhum dia é igual ao outro, portanto, não nos deixemos cair na rotina nem nos tornemos pessoas insensíveis, incapazes de reconhecer no outro a beleza que vem Deus!

Neste mês, venho prestar-lhe contas de todo o trabalho que tivemos no ano de 2014. Esta é a nossa prestação de contas para você, sócio evangelizador, que ajuda esta obra de evangelização.

03032015_prestação de contas_01

03032015_prestação de contas_02

Seu irmão que os ama,

Wellington Jardim (Eto)
Cofundador da Comunidade Canção Nova e administrador da FJPII