Como encarar a minha própria fraqueza

Quem me conhece sabe que eu sempre falo sobre o que eu sou. Sou um pouco agitado e sem paciência. Falo as coisas sem pensar e, às vezes, até ofendo alguém. Pois bem, eu aprendi a reconhecer as minhas limitações, porém, eu não parei nelas.

Ao perceber que certas atitudes minhas não faziam bem às outras pessoas, iniciei o meu processo de conversão pessoal. Hoje, a cada dia que me levanto, digo a mim mesmo: “Eto, hoje, você precisa ser melhor que ontem”.

Algo que me ajudou muito foi fazer uma revisão de vida antes de dormir. Ali, eu vou identificando todos os meus atos, os bons e os ruins; no outro dia, agradeço a Deus por ter me dado a oportunidade de começar de novo.

Queridos, a cada dia podemos ser melhor. Encare a sua fraqueza, domine e transforme-a. Assim, você verá que, aos poucos, se tornará uma pessoa melhor.

Rezo por você.

Seu irmão, Eto

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.