O conhecimento de nossa fraqueza

O autoconhecimento traz nossa fraqueza à tona para sermos melhores

conhecer o coração

O próprio conhecimento da fraqueza que cometemos faz nascer em nós a humildade e a paz verdadeira. Aqui se situam as bem-aventuranças das lágrimas de que fala o Evangelho, não aquelas lágrimas sensíveis e fáceis que nada exprimem, mas aquelas profundas do coração, esses retornos e conversões que nos chamam à humildade e dolorosa mágoa de faltas cometidas, a contrição do coração.

No Evangelho, vemos essas lágrimas que Nosso Senhor chamou de “bem-aventurança”: “Felizes os que choram, porque serão consolados” (Mt 5,4), as lágrimas da pecadora perdoada, as lágrimas de Pedro que negou o Mestre, lágrimas do coração que você e eu já experimentamos e que Deus quer nos conceder sempre que nos for necessário.

Deus provê, Deus proverá. Confie! Sua misericórdia não faltará.

Leia mais:
:: Autoconhecimento exige dedicação
:: A força se realiza na fraqueza

Seu irmão,

Wellington Jardim (Eto)
Cofundador da Comunidade Canção Nova e administrador da FJPII

Adquira os livros de Wellington Jardim (Eto):
Animados    Administrar    Se Deus

 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.