Temer a Deus é amá-Lo como Ele é

Deus nos ama muito, mais do que nós O amamos

Precisamos temer o Senhor para que Ele tenha os olhos sobre nós. Temer a Deus, um dos dons infusos do Espírito Santo, não significa ter medo d’Ele nem achar que Ele nos castiga por algo de errado que fizemos, como se fosse um policial armado a nos perseguir.

Deus é amor e misericórdia. Temer a Deus é amá-Lo, respeitá-Lo como Senhor em Sua majestade infinita, adorá-Lo como o único ser Onipotente, Todo-poderoso.

Temer a Deus é ter medo de ofendê-Lo, não porque seremos castigados por Ele, mas porque machucar o coração desse Pai tão bom vai doer em nosso coração. Isso é temor de Deus. Ele tem os olhos fixos naqueles que o temem dessa forma, que o adoram e fogem do pecado.

Deus nos ama muito, mais do que nós O amamos. Basta olharmos tudo o que Ele nos dá diariamente e fazermos um balanço do que já recebemos dele ontem, hoje, e receberemos amanhã. Um filho não pode ter medo do pai e da mãe, pelo contrário, deve ter um bom relacionamento com eles.

Ora, assim também é com Deus. Hoje, Ele está nos convidando a ter um bom relacionamento com Ele, já que seus olhos estão postos em nós, como um Pai que toma conta do filho.

Seu irmão,
Wellington Jardim (Eto)
Cofundador da Comunidade Canção Nova e administrador da FJPII

 

Adquira os livros de Wellington Jardim (Eto):

Animados    Administrar    Se Deus

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.